Sabiam que 50% da população global vive em cidades? E que até 2050 estima-se que mais de 75% vá viver  para os centros urbanos? E já pensaram nas consequências que este crescimento desenfreado vai trazer? E nas oportunidades?

Peter Drucker* diz que “cada alteração social e global dos nossos dias é uma oportunidade disfarçada” e não será esta a maneira correta de olhar para o crescimento das cidades?

A verdade é que com a consciencialização dos governantes para os problemas sociais e ambientais das cidades surgiu a oportunidade de criar soluções inovadoras para estes mesmos problemas.

O conceito Smart Cities ou Cidades Inteligentes surge para designar cidades onde estão a ser implementados sistemas de mudança, através de novas tecnologia e sempre com a participação dos cidadãos .

As cidades inteligentes utilizam a tecnologia para melhorar as infraestruturas e o planeamento urbano, tendo sempre em mente que o desenvolvimento provém da sinergia das pessoas com a tecnologia, que em conjunto vão promover valores como a eficiência, a mobilidade, sustentabilidade urbanismo, economia, educação, segurança e empreendedorismo.

Em linha com as grandes empresas, o propósito é criar com base na inovação e no conhecimento estruturas que dinamizam o desenvolvimento sustentável das cidades. Com o  criação de soluções tecnológicas cada vez mais inovadoras, o objetivo é que os cidadãos possam ter qualidade de vida independentemente do crescimento da cidade.

Para tal, é necessário que o governo e a população reforçem a comunicação, com base em pilares como a transparência, de forma a responder às necessidades dos cidadãos e também a descodificar a melhor solução para lhes fazer face.

No futuro, prevê-se então que a maiorias das cidades  tenham implementado projetos tecnológicos que garantam soluções.

As medidas que hoje estão a ser estudadas e desenvolvidas são a prova de que “cada alteração social e global” pode e é uma oportunidade.

O futuro é agora, as cidades inteligentes uma realidade, e nós na buildtoo, enquanto agregadores, criadores e promotores de conhecimento e soluções tecnológicas no setor da construção fazemos parte desta mudança.

* Escritor e Professor Austríaco considerado como o pai da administração moderna.